NOVO: Índice Caliber de Reputação Corporativa

Tempo de leitura: 3 minutos

¨Nossa adesão ao Pacto Global e ao Instituto Ethos visa aprimorar a interlocução estratégica entre a agenda ESG e a reputação das organizações¨ - Dario Menezes.

Dario Menezes, Diretor-Executivo da Caliber no Brasil, fala sobre esse novo momento e destaca a influência positiva na relação da Caliber com seus clientes, fornecedores e parceiros de negócios

A temática ESG emerge como um dos pilares fundamentais que orientam as práticas empresariais e a tomada de decisões nos dias atuais. Essa nova abordagem não apenas redefine a maneira como as empresas operam, mas também molda suas interações com a sociedade, o meio ambiente e os investidores. Neste contexto, conversamos com o diretor executivo da Caliber no Brasil, Dario Menezes, que nos conta em detalhes a adesão da empresa ao Instituto Ethos – que acaba de completar 25 anos, e ao Pacto Global da ONU no Brasil.

- Por que a Caliber decidiu aderir ao Pacto Global e ao Instituto Ethos? Quais foram os principais motivos para assumir esses compromissos?

¨Todas essas iniciativas estão conectadas com os 3 pilares da nossa estratégia – equipe consultiva sênior, tecnologia proprietária e a habilidade de combinar insights de estudos globais com os desafios locais de cada cliente. Essa abordagem visa aprimorar a interlocução estratégica entre a agenda ESG e a reputação das organizações, destacando a importância de uma visão sistêmica e a compreensão das expectativas dos stakeholders¨.

- Como a Caliber percebe o papel do Pacto Global e do Instituto Ethos em promover a sustentabilidade e a responsabilidade social corporativa? E como isso pode ajudar nossos clientes?

¨A Caliber reconhece o papel crucial que o Pacto Global e o Instituto Ethos desempenham na promoção da sustentabilidade e responsabilidade social corporativa. Ao estar filiada a essas instituições, criaremos juntos sinergias para sensibilizar e encaminhar a agenda ESG no país transformando as iniciativas em KPIs relacionados com reputação. O alinhamento com o Capitalismo Consciente reforça a postura da empresa em se posicionar onde a temática ESG é relevante”.

- Quais são os principais compromissos assumidos pela Caliber ao aderir ao Pacto Global e ao Instituto Ethos? Como essas iniciativas se alinham à missão e aos valores da empresa?

¨Os compromissos centrais assumidos pela Caliber ao aderir a essas iniciativas estão alinhados com sua missão e valores fundamentais. Como uma empresa global de consultoria, a Caliber visa a instrumentalizar organizações para alinhar sua visão de futuro com as expectativas da sociedade e dos diversos grupos de stakeholders. Essa abordagem visa a fomentar uma colaboração mais eficaz na implementação da agenda estratégica das empresas, enquanto a falta de alinhamento pode resultar em consequências negativas para todo o ecossistema¨.

- Como a aderência ao Pacto Global e ao Instituto Ethos influencia a relação da Caliber com clientes, fornecedores e outros parceiros de negócio?

¨A partir dessa relação, entendemos que a empresa está mais preparada para compreender os desafios dos clientes e criar uma matriz de avaliação de reputação robusta. Isso permite que todos os temas relevantes para as organizações estejam representados, possibilitando a previsão de pontos de pressão e oportunidades¨.

- Como a Caliber planeja continuar avançando em sua jornada rumo à sustentabilidade e à responsabilidade social no futuro? Quais são os próximos passos planejados?

¨Olhando para o futuro, a Caliber planeja avançar em sua jornada rumo à sustentabilidade e à responsabilidade social por meio de debates contínuos com o mercado. A empresa está comprometida em buscar a adesão às principais instituições globais do setor, reafirmando seu compromisso com a agenda ESG. A Caliber promete permanecer alinhada com esses princípios, sempre buscando fazer o seu melhor em prol da sustentabilidade e da responsabilidade social¨.